Por Fernanda Lima e Kelven Figueiredo

A fala calma contrasta com a correria da rotina de Fábio Gois, 32, gerente de marketing e mídias digitais do Jornal CORREIO. Diariamente, o comunicólogo sai do município de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), em direção à sede da Rede Bahia, no bairro da Federação, onde lidera uma equipe de nove pessoas.

A relação do soteropolitano com a Rede, na qual trabalha desde 2014, é antiga. Formado em jornalismo pela FTC, em 2006, o profissional já havia atuado como repórter no portal iBahia, entre 2004 e 2007. No intervalo, foi editor-chefe da revista B+, pautada em negócios, empreendedorismo e inovação. A descoberta do marketing digital, no entanto, fez seus olhos brilhar – e faz até hoje.

O trabalho no setor do jornal é algo do qual ele se orgulha ao falar. “O CORREIO é um dos veículos que mais se movimentam no país. Quando apresentamos qualquer estudo de marketing para os outros veículos, eles respondem: ‘estamos estudando isso agora”, admira-se.

O crescimento na empresa parece afinado com sua formação acadêmica. Desde que ali chegou, evoluiu de coordenador de negócios ao cargo que ocupa atualmente. Sempre com “respeito” à redação, frisa. “Eu busco respeitar muito a redação e todos os outros setores também. Talvez por conhecer a rotina da redação, eu entendo as oportunidades e desafios que existem lá”, justifica.

Sem horário fixo para chegar ou sair do jornal, Fábio opera no comercial [segmento que capta anunciantes para a empresa] e na área de circulação de jornal, onde gerencia, cria e executa projetos, além de analisar o desempenho do jornal, no formato impresso e digital. Ainda assim, parece animado com as tarefas diárias. Seus dois filhos, entretanto, reclamam da falta de tempo do pai, conta ele, aos risos.

Quem pensa que Fábio abriu mão de contar histórias ao optar pelo marketing se engana. “Hoje a minha forma de contar histórias apenas mudou”, finalizou.