O Jean Wyllys folião, debochado e amante dos ritmos baianos que pouca gente conhece

O Jean Wyllys folião, debochado e amante dos ritmos baianos que pouca gente conhece

Esqueçam aquele Jean Wyllys aguerrido, combatente que incendiava o Congresso com suas posições firmes, não se esquivando de um bom debate. E o Jean que ficou famoso depois de vencer o BBB 5. Ele continua sendo o mesmo desde que o conheci e iniciamos uma amizade nos anos 1990. Mas tem um lado que só os mais próximos dele conhecem: o Jean alegre, debochado, o verdadeiro filho da Chiquita Bacana “que transa todas sem perder o tom”.

Eu tive o prazer de conviver com ele nesse tempo e o melhor: dividir a coluna de Carnaval “Lança Perfume”, quando o CORREIO ainda chamava Correio da Bahia e o editor-chefe era Demóstenes Teixeira.

Anos depois, reencontro Jean virtualmente (ele está na Europa) através de um contato entre um amigo em comum: o também jornalista Sandro Lobo, que mora em Brasília. Lobo fez o meio de campo para essa conversa que você vai ler abaixo. Foi um papo saboroso, divertido e cheio de memórias afetivas. Leia a entrevista no Baú do Marrom no CORREIO online.

Foto: Márcio Costa e Silva *Arquivo CORREIO