Cidadão do mundo

Cidadão do mundo

Músicos dos mais requisitados no Brasil e agora no exterior, o baiano Gustavo di Dalva apresenta novos projetos em Nova York. Ele  que já tocou com Gilberto Gil durante 22 anos está em terras americanas desde 2017.  Assim que chegou a NY, tocou na maior casa de Jazz da cidade, o BirdLand como Special Guest da Orquestra Latin Jazz do maestro Arturo O’Farril, ganhador de Grammy. Com a Orquestra Latin Jazz também fez o show no Symphony Space Rhythmic Connection Cubra-Brazil como Special Guest.

Neste mesmo ano, apresentou o seu show solo no Nublu, também em NY. Além disso, Gustavo contribuiu com sua música nos shows dos artistas Angelique Kidjo e Arto Lindsay, em turnês americanas, passando por importantes palcos do País. O artista baiano fez o seu show solo e uma peformance com o artista Americano Arto Lindsay no Whitney Museum of American Art em NYC. Ele também gravou um vídeo com música autoral para o maior canal de percussão no Youtube, o CONGAHEAD.

Recentemente fez a Tour do cantor David Byrne, no show American Utopia, passando por 28 países e participando de grandes festivais como o Coachella na California, Austin City Limits, LollaPaloza, dentre outros. O American Utopia foi vencedor do prêmio de melhor show nos Estados Unidos pelo NME 2018. Gustavo também acompanhou a cantora e compositora norte-americana de origem cubana, Camila Cabello, em um programa de TV.

Gustavo di Dalva é natural da Bahia, mas sua experiência é mundial. O artista representa com maestria o encanto do batuque, com bastante diversidade de ritmos. Atualmente ele está focado em seu novo Projeto Solo, que traz o single Bahia Algodão Doce.

Para se ter uma idéia veja o time com quem ele tocou: Milton Nascimento, Gal Costa, Maria Bethânia, Djavan, Marisa Monte, Daniela Mercury, Ivete Sangalo, Margareth Menezes, Luiz Caldas, Dominguinhos, Lulu Santos, Netinho, Ney Matogrosso, Gerônimo, Preta Gil, Davi Moraes, Bragadá, Arto Lindsay, Bonga, Chico Science & Nação Zumbi, Lucas Santana, Banda Eva, Luiz Brasil, Mou Brasil, Asa de Águia, Adelmo Casé, Saul Barbosa, Maria Rita, Sandy & Junior, Sandra de Sá, Marina Lima, Tony Garrido, Skank, Elba Ramalho, Paralamas do Sucesso, entre outros.

O talento musical de Gustavo di Dalva foi destacado em projetos vencedores do maior Prêmio de Música Internacional, o GRAMMY. São eles: Sérgio Mendes- o Brasileiro (1993), Gilberto Gil -Quanta Live (1999), Caetano Veloso- livro (2000), Gil e Milton – Gil e Milton (2001), Gilberto Gil -Eletra Acústico (2006), Gilberto Gil – Fé na Festa (2010) e Ivete, Gil e Caetano – Especial (2012).

Com Gil, Gustavo se apresentou em Festivais Internacionais como o “Umbria Jazz Festival” na Itália, “Montreal Festival” no Canadá, “La Fiesta!” na Itália, “Summer Stage” em Nova York – EUA, Nice Jazz Festival na França, North Sea Jazz Festival – Holanda, dentre muitos outros. Em 2006 fez sua estreia solo com o grupo Bacia Sonora no Festival Internacional de Percussão PercPan, passando também pelo Festival Na Lata.

Em 2015 montou o grupo de percussão Groovada com Márcio Brasil e Cara de Cobra, grandes percussionistas baianos. Juntos, eles gravaram o vídeo clipe Balde D’água na Cabeça, e fizeram uma temporada de ensaios de sucesso no Pelourinho, sempre com grandes convidados da música da Bahia.