O palácio que virou casa
Fevereiro 2, 2018
ConstruSOM
Fevereiro 2, 2018

IAPI: O primeiro conjunto habitacional de Salvador


Construído na década de 40, o conjunto do Instituto dos aposentados e pensionistas deu nome ao bairro

Beatriz Oliveira

Se, aos 39 anos, Cajazeiras é uma jovem senhora, o primeiro conjunto habitacional de Salvador já está na terceira idade há um tempinho. Os prédios do Instituto dos Aposentados e Pensionistas da Indústria (IAPI), construídos em 1943, foram tão importantes para o crescimento da região no entorno que deram o nome ao bairro da capital baiana.

Hoje chamado de Condomínio Conjunto Residencial Salvador, o antigo IAPI não parece ter sofrido tantas marcas da idade com o passar dos anos. Os prédios são pintados e conservados e a grama cortada regularmente. Tem até uma pracinha no meio do condomínio com parquinho, onde as crianças aproveitam para brincar, e bancos que recebem a sombra das árvores, em que os adultos descansam e os idosos passam a tarde conversando.

“Uma lua de mel com pimenta”. É assim que dona Rita de Oliveira descreve morar no condomínio. A idade dela ninguém sabe ao certo. Alguns dizem que já passou dos 90, mas ela garante que fez 15 anos mês passado. Dona Rita mora “com Santa Luzia” no segundo andar. Os filhos já tentaram levar ela pra casa deles, mas foi a debutante que não quis ir embora. “Meu neto mora no mesmo prédio que eu, não preciso sair daqui”.

Desde que a mãe faleceu, dona Ivone Carneiro, 65 anos, também mora sozinha e não faz questão de se mudar de lá. “Aqui quase todo mundo se conhece, não tenho problema nenhum com os vizinhos. Se eu precisar de alguma coisa, chamo o vizinho do andar”.

Na década de 90, o conjunto foi murado, o que, na época, chegou a causar polêmica. “Os moradores disseram que a gente queria fazer um presídio construindo o muro. Tinha um pasto e algumas pessoas criavam animais ali. Hoje em dia ninguém reclama mais”, relata o síndico do condomínio, Walter Cabral, de 73 anos.

Diferentemente de outros condomínios, onde os prédios têm um corredor central que liga todos os apartamentos do pavimento, no IAPI os prédios têm 4 andares e são divididos em escadas. Cada escada dá acesso a dois apartamentos de cada andar. Ao todo, são 264 apartamentos em 5 prédios, com dois quartos, sala, cozinha e banheiro. Os apartamentos têm 55m².