Ele tem 26 anos, 1,93 de altura, 71 kg e 30 centímetros (daquilo que você realmente está pensando que é). Natural da cidade de Cabo Frio, no Rio de Janeiro, Eduardo Picasso – que atualmente vive na Alemanha – ganhou o mundo depois que foi descoberto pelos gays – literalmente!

A história do escovista de salão de beleza na cena pornô começa há quatro anos e meio, quando ele foi a uma sauna gay na cidade do Rio de Janeiro com um amigo. Lá, quando foi tomar banho, ganhou a admiração e o espanto de clientes pelo tamanho da sua genitália.

“Um amigo trabalhava como garoto de programa numa sauna gay e, um dia, ele me chamou para ir com ele lá. Eu não sabia, até aquele dia, que ele fazia programa. Fui na sauna, mas não fiz nenhum programa. Não fiz nada. Mas, fiquei com calor e resolvi tomar um banho. Quando eu fui tomar um banho, as pessoas ficaram espantadas”, relembra Du, em conversa com o Me Salte nesta sexta-feira (18), em Salvador.

Foi naquele momento, segundo Du, que ele percebeu que o tamanho do seu órgão sexual estava beeeeeeeeem acima da média dos brasileiros (que é de 15 cm). “Eu não sabia que tinha um negócio que não era do tamanho normal. As pessoas ficaram espantadas e eu também fiquei. Ainda na sauna, eu recebi uma proposta para começar a fazer filmes. Eu fiquei meio reticente, mas, no outro dia, dei a resposta positiva. Porém, falei que só faria se não mostrasse o rosto, porque fiquei com receio”, relata Du, que na época tinha 21 anos.

Apesar de parecer estranha essa percepção tardia que o seu volume era fora do padrão, Du garante que essa descoberta só aconteceu na sauna. “Eu sempre fui tímido. Eu só comecei a ter essa percepção nessa idade. Eu só comecei a ter relação com homens bem tarde. Antes, eu só me relacionava com mulheres. Algumas até reclamavam do tamanho, mas não falavam que era maior assim do que os outros homens. Na verdade, eu fui descoberto pelos gays”, explica Picasso, que conta que só teve percepção da sua orientação sexual como homem gay ‘com 20 e poucos anos’.

Minha família por parte de mãe era muito preconceituosa quanto à minha sexualidade. Por muito tempo, eu forcei muito minha natureza, ‘tentando’ ser hetero. Mas, com o tempo, comecei a perceber que eu era gay.

Daquele momento da sauna para frente, os 30 centímetros de Eduardo ganharam – literalmente – o mundo. Já são 26 filmes em que contracena com outros homens que tem milhares de visualizações nas redes sociais.

Nos primeiros filmes em que atuou, ainda no Brasil, Du não mostrava o rosto por medo do preconceito. “Eu comecei fazendo os filmes anônimos e teve uma repercussão muito grande. Então, a produtora me ofereceu um cachê que me interessou e eu também fiquei curioso para saber qual seria o resultado depois que eu mostrasse o rosto. E foi melhor do que eu esperava. Comecei a receber propostas para sair do Brasil”.

Antes disso, ele trabalhava num salão de beleza no Centro do Rio de Janeiro. “Eu estava enjoado daquela vidinha. Na verdade, eu não queria ser uma pessoa comum. Eu queria fazer algo diferente, mas eu não sabia exatamente se seria isso. Mas, com o filme pornô eu me descobri”, relembra Du, que está em Salvador para uma apresentação na Sauna Olympus, neste sábado (19) (veja mais detalhes no final da reportagem).

O impulso na carreira internacional veio através do amor. Ele conheceu uma homem, da Alemanha, com quem se casou. A mudança para o país europeu fez com que ele fosse contratado pela produtora de filmes adultos Tim Tales, onde trabalha até hoje. “Com oito dias que eu estava no exterior, a produtora [Tim Tales] soube e me fez o convite para começar a gravar os vídeos com eles”, destaca.

O preconceito é uma opinião sem conhecimento. Tem muitas críticas e preconceitos que eu ouço que são vazias. Muita gente que verbaliza preconceito aproveita e visualiza o trabalho do pornô. No início da minha carreira, eu fui muito atacado. Mas o jogo virou. Muita gente que no passado não me aceitou hoje tem que engolir a situação. Fora do Brasil não tem preconceito com o meu trabalho.

Qual o segredo da ereção por 8 horas?
Em média, a gravação de um filme de Du dura oito horas. Nesse período, o Picasso tem que ficar em posição de combate o tempo todo – se é que vocês me entendem. Na conversa com o Me Salte, ele revelou o segredo da virilidade intermitente.

“Para poder ficar ereto esse tempo todo, os atores pornôs usam uma injeção que é aplicada diretamente no pênis. A dosagem varia de cada pessoa. Normalmente eu tomo uma só que deixa o Picasso ereto por oito horas. Você pode morrer e o negócio fica duro. Ela é uma injeção que não vende no Brasil. Uns 20 minutos depois que você injeta, ela já começa a fazer efeito. E, quanto mais tempo rola o ato em si, mais forte o membro fica. Depois que para de fazer o sexo, demora umas duas horas para baixar”, revela Du.

Apesar do medicamento, ele explica que precisa ter um engajamento psicológico na cena que, normalmente, é gravada de forma privativa. No estúdio de gravação, ficam apenas duas pessoas da área técnica além dos atores. “Tem que pôr emoção na cena. É algo muito ensaiado. Todas as posições são ensaiadas e orientadas. É tudo mais ou menos premeditado, mas a emoção e o tesão acabam vindo de forma natural”.

Edu revela seus segredos Foto: Jorge Gauthier

Edu revela seus segredos
Foto: Jorge Gauthier

Du conta que no início da carreira recebeu vários convites para fazer filmes contracenando com mulheres, mas optou a investir apenas nas cenas masculinas. No início da carreira, ele relembra que não escolhia parceiros. Hoje, graças ao sucesso que alcançou, consegue selecionar os atores com quem contracena.

“Hoje eu escolho. Eu dou preferência a pessoas de mais idade. Eu não gosto muito de gravar com meninos muito novinhos até 21 anos. É uma questão técnica. Muitas vezes, um menino mais novo tem mais dificuldade em contracenar comigo, o que acaba sendo mais cansativo pra mim. Embora tenha a injeção, é preciso ter empenho psicológico. 80% da gravação fica nas minhas costas”, conta ele, que destaca o filme com o inglês Lucas Albert como seu preferido.

Tímido assumido, Du explica que quando escuta o ‘gravando’ se transforma. “Me encontro naquele momento. Eu gosto muito de fazer os filmes. Gosto de posições em que o passivo esteja me olhando. Eu gosto de ver a cara de ‘sofrimento’ da pessoa quando vai sentindo a potência. As preliminares são fundamentais para ‘amaciar a carne’ antes das coisas em si acontecerem”, diz.

Tamanho é documento?
Tanto na vida pessoal quanto na profissional, Du revela que já tiveram episódios em que os 30 centímetros atrapalharam. “Já teve, inclusive, um ator que desistiu de gravar com ele porque, quando viu o tamanho, falou que não ia aguentar. Algumas pessoas também já chegaram em mim e na hora desistiram. Mas também tem muita gente que chega com bastante sede ao pote e que querem até a última gota”, brinca Du, que é garoto-propaganda exclusivo da marca de roupas íntimas masculinas da Bahia, a Danúbio For Man.

Du revelou ainda que tem vontade de fazer filmes que dialoguem com fetiches de dominação – o que, na vida pessoal, ele diz ser algo que aprecia. “Eu tenho essa coisa da dominação. É um fetiche pessoal meu, mas nunca fiz. Até porque a produtora com a qual trabalho não faz esse tipo de gravação. Eu gosto muito disso. Eu faço isso no meu privado. Gosto de usar as cadeiras, amarrações, etc.”, revela Du, entregando um outro segredo: seu futuro profissional.

O ator planeja fazer uma pausa na carreira para investir em uma produtora própria no Brasil daqui a 2 anos. “Quero dar para as pessoas a mesma oportunidade que eu tive. Quando eu comecei, as pessoas corriam disso. Hoje, há uma procura enorme. A sociedade mudou muito. Antes, se vazava uma nude de alguém era um problema. Hoje, as pessoas postam fotos sem roupa em todos os cantos”, reflete. Além do pornô, na Alemanha, ele trabalha na área de contabilidade.

Relacionamento e assédio
Du atualmente é solteiro, apesar de no papel ainda ser casado com o alemão. “Hoje somos amigos, uma família. Ele foi um anjo na minha vida. Foi graças a ele que minha vida deu uma reviravolta”, diz. Ele argumenta que o trabalho artístico e sexual que executa afugenta muito as pessoas interessadas nele. O problema é que os boys querem ser ‘donos do Picasso’.

“Quando alguém chega na minha vida, sempre começa dizendo que não tem problema, que não tem preconceito e que não tem nenhuma restrição com o meu trabalho. Mas, depois que percebe o assédio que eu recebo o tempo todo, acaba mudando. Uma pessoa hoje para entrar num relacionamento comigo tem que ter uma mente aberta e forte. Eu nunca quis fama. Eu só queria fazer algo diferente, mas a fama veio e com ela veio o assédio. Por isso, eu não busco ninguém. Sou solteiro e deixo acontecer”, alerta Du.

Foto: Jorge Gauthier

Foto: Jorge Gauthier

Das festas em família aos eventos públicos, Du relata que o assédio é constante tanto de homens (gays e heteros) quanto de mulheres. E o assédio acontece em qualquer lugar. Até mesmo em eventos religiosos como a Lavagem do Bonfim, que ele participou pela primeira vez nesta quinta-feira (17), em Salvador.

“Hoje para mim já soa mais tranquilo, mas a princípio era um desafio. Tem coisas que me espantam, algumas me assustam. Ontem mesmo, quando eu passava no meio da Lavagem do Bonfim, um rapaz me agarrou dizendo que queria que eu fizesse sexo anal com ele. O cara chegou rasgando o verbo fazendo a proposta com termos bem pesados como se tivesse dando bom dia. Às vezes eu quero ter um momento de privacidade, mas não consigo”, conta.

Propostas indecentes
Poliglota, Du fala português, inglês, francês, italiano, espanhol e alemão e revela que seu objetivo na vida ‘é estudar idiomas’. Além disso, tem ainda o sonho de ‘um dia quem sabe’ se tornar psicólogo – profissão que escolheria se não fosse ator pornô. A atuação como ator pornô faz com que muita gente tente ‘desvirtuar’ ele desse caminho através de propostas bastante indecentes e intrigantes.

“Uma das propostas que até hoje me chama atenção foi a de uma funcionária das Forças Armadas dos Estados Unidos que me pediu em casamento e me ofereceu uma vida ao lado dela. Mas, além dessas românticas e de algumas ofertas de dinheiro por sexo, tem algumas mais assustadoras. Um homem da Rússia, por exemplo, me ofereceu 2 mil euros por dia para ficar alimentando ele feito um cachorro em um porão. Obviamente, não aceitei. Foi assustador”, destacou.

Quer ver o Picasso em Salvador?
Eduardo fará uma apresentação exclusiva na Sauna Olympus, no bairro do Dois de Julho, no sábado (19) às 20h. A ação é fruto da parceria entre a Danúbio For Man e o clube masculino. O valor da entrada é R$ 45 (compra na hora – aceita todos os cartões). A apresentação terá entrada teatral com a representação do Deus da Virilidade Cernunnos, banho de espuma nu com interação com os clientes, entrevista com o ator no palco, sessão de fotos em sala reservada e outros.
Endereço: Rua Tuiuti, 183, Centro – Salvador
Tel.: (71) 3011-9028
WhatsApp.: (71) 99231-8698

18 de janeiro de 2019
Foto: Jorge Gauthier

Du Picasso: funcionário de salão de beleza conta como virou um ator pornô de sucesso

Ele tem 26 anos, 1,93 de altura, 71 kg e 30 centímetros (daquilo que você realmente está pensando que é). Natural da cidade de Cabo Frio, […]
16 de janeiro de 2019
RC fox s. edicao-100

Astro do pornô Edu Picasso fará apresentação neste sábado (19) em Salvador 

Um dos maiores (literalmente) astros dos filmes pornô do Brasil desembarcará em Salvador nos próximos dias para uma apresentação especial. Nascido no Rio de Janeiro, o ator […]
11 de janeiro de 2019
Laion Santos

Conheça os primeiros candidatos do concurso Garoto Caras& Bocas; inscrições seguem abertas

Abana e abana bastante que vai ter desfile de boys deliciosos na 5º edição do concurso Garoto Caras & Bocas, que acontecerá a partir do dia 20 […]
8 de janeiro de 2019
mister verao

Salvador sediará terceira edição do Mister Verão Brasil

A etapa estadual da terceira edição do concurso Mister Verão Brasil será realizada no dia 20 de janeiro, às 19h, no Hotel Sol Barra, em Salvador.  Doze […]
7 de janeiro de 2019
Sem título

5º edição do concurso Garoto Caras & Bocas está com inscrições abertas

Estão abertas as inscrições para o concurso 5º Garoto Caras & Bocas, que acontecerá a partir de 20 de janeiro no Bar Caras & Bocas na […]