A Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) confirmou, na noite desta quarta-feira (13), a revogação do concurso público lançado em outubro de 2018. Conforme publicado no site da Alba, “o certame estava sob apreciação judicial, sem perspectiva de solução imediata, em virtude da suspensão determinada pela desembargadora Sílvia Zarif”.

Segundo informado pelo chefe da Procuradoria Jurídica da Assembleia, Graciliano Bonfim, “considerando que a indefinição resultante vinha gerando incertezas e questionamentos para a administração da Alba – bem como para os candidatos inscritos –, a revogação do concurso se impôs como a solução adequada para as partes envolvidas e o interesse público”.

A nota publicada do site da Alba indica ainda que a empresa contratada para a organização do certame, a Fundação Getúlio Vargas (FGV), fará a devolução da taxa de inscrição aos candidatos. O edital era destinado ao preenchimento de 123 vagas, em cargos efetivos de nível médio e superior, com salários que variavam de R$ 4.118,67 a R$ 4.872,61.

As oportunidades seriam para técnico legislativo nas áreas administrativa, agente de polícia legislativa (feminino e masculino) e odontologia; procurador e analista legislativo nas áreas de análise de sistemas/informática/tecnologia da informação, enfermagem, jornalismo/comunicação, medicina do trabalho, nutrição, redação e revisão legislativa e taquigrafia.

Leave a Reply



Warning: readfile(../ga.txt): failed to open stream: No such file or directory in /home/correiodb/correio24horas.com.br/blogs/a-toda-prova/wp-content/themes/mandigo/footer.php on line 356